Região do Médio Tejo

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, com o apoio dos 13 município que a constituem, apresentou, na edição de 2017 da Bolsa de Turismo de Lisboa, o novo vídeo promocional da região.

As principais ofertas a nível cultural, patrimonial, religioso, desportivo e gastronómico dos 13 Concelhos são o principal destaque deste novo vídeo que pretende evidenciar todo o potencial de um território capaz de atrair os públicos mais diferenciados.

Vila de Rei, representada pelo Centro Geodésico de Portugal, Água Formosa, Penedo Furado, Fernandaires e pela figura do Pescador das águas do Zêzere mostra igualmente os seus principais ícones patrimoniais, culturais e turísticos.

Descubra Vila de Rei

descubra viladerei

 

logo. android. google. play. store. app. internal.001

 

windows store

 

app-store-badge-en 

Brevemente disponível

Fauna e Flora

Flora

Embora o concelho de Vila de Rei seja caracterizado pelos povoamentos de pinheiro bravo e eucalipto, podemos afirmar que existe vegetação com particular destaque, particularmente junto às linhas de água, onde se concentra a maior riqueza botânica e nas manchas que sobreviveram aos incêndios de 1986 e de 2003, que fustigaram a região.

Destacamos o sobreiro (Quercus suber L.), cuja regeneração tem sido notória, espécie típica da floresta dita mediterrânica, o carvalho-roble (Quercus robur L.), cuja expressão no concelho estava a par do castanheiro (Castanea sativa L), até este último ficar reduzido a alguns exemplares dispersos, fruto da doença da tinta, que quase o dizimou em Portugal, e as espécies associadas aos cursos de água como o amieiro (Alnus glutinosa, L), o freixo (Fraxinus angustifolia L), diversas espécies de salgueiros (Salix, spp), e o sabugueiro (Sambucus nigra  L).

Embora se associe também à paisagem da região espécies como a esteva (Cistus ladanifer, L), o estevão (Cistus populifolius L) , o sargaço (Cistus salviifolius L), os tojos (Ulex, spp),  e as urzes (Erica, spp e Calluna, spp) como  existem outras espécies no concelho com interesse, como o caso das diferentes espécies de rosmaninhos (Lavandula stoechas L Lavandula pedunculata L e Lavandula latifolia L), o medronheiro (Arbutus unedo L), a murta (Myrthus communis L), a gilbadeira (Ruscus aculeatus L), o pilriteiro (Crataegus monogyna L), a aroeira (Pistacia lentiscus L), o folhado (Viburnum timus L) e até uma espécie de orquídea singular (Orchis mascula L) que ocorre em Portugal.

  • Orchis mascula
  • Pinheiro-bravo2
  • pinheiro-bravo1

Fauna

Em termos de fauna, não mencionando apenas as espécies com interesse cinegético como o coelho bravo (Oryctolaguscuniculus), a perdiz vermelha  (Alectoris rufa) e o javali (Sus scrofa) e outras mais habituais como o caso da raposa (Vulpes vulpes) e do saca-rabos (Herpestes ichneumon), existem mais espécies a destacar, entre elas avifauna como o caso do guarda-rios (Alcedo atthis), o milhafre preto (Milvus migrans), destacando uns casais que nidificam junto ao espelho de água da barragem de Castelo de Bode, que apresentam uma característica curiosa de capturarem peixes como se fossem águias pesqueiras e a águia de Bonelli (Aquila fasciata), entre outras espécies que certamente qualquer observador de aves gostará de ter a oportunidade de ver.

Destacamos também espécies como a lontra (Lutra lutra), que tem repovoado novamente os cursos de água do concelho, sendo já frequente avistá-la e o esquilo-vermelho (Sciurus vulgaris)

Falando em cursos de água e acrescentado o facto do concelho de Vila de Rei ter uma extensa margem da barragem de Castelo de Bode, não podíamos deixar de destacar a existência de espécies piscícolas, principalmente pelo seu interesse para a pesca desportiva, tanto espécies endémicas como o caso do barbo (Barbus bocagei) e da boga  (Chondrostoma lusitanicum), como de espécies introduzidas, entre elas a carpa (Cyprinus carpio) e o achigã (Micropterus salmoides), sendo esta última considerada por muitos pescadores como a "truta do Sul" tal não é  o entusiasmo que a sua pesca dá.

  • Achiga1
  • Coelho_bravo_Jos Conde 600x384
  • Micropterus salmoides1
  • Micropterus salmoides2
  • Milhafre
  • Perdiz

Eventos

Eventos Municipais

 EVENTO
 DATA ANUAL
 DATA - 2017
10.º Passeio TT Vila de Rei
EVENTO
Concelho Vila de Rei
2.º Sábado de Janeiro 7 Janeiro
FOLCLORE NO CENTRO
EVENTO
Fundada
 Fevereiro  5 Fevereiro
CORTEJO DE CARNAVAL

EVENTO
Vila de Rei

 Fevereiro  26 Fevereiro
Circuito Centro – Trail Running
DESPORTO
Concelho Vila de Rei
 2º fim-de-semana de Março  11 Março
FESTIVAL DAS SOPAS & PETISCOS

GASTRONOMIA
Fundada

Março 25 e 26 Março
10º FESTIVAL DO BACALHAU E DO AZEITE

GASTRONOMIA
Restaurantes Aderentes

 Semana antes da Páscoa  1 a 9 Abril
PROVA DO CAMPEONATO NACIONAL DE ENDURO

DESPORTO
Vila de Rei

 Abril  2 Abril
VIII Mercado Medieval
EVENTO
Largo da Misericórdia
3º Domingo de Maio 21 Maio
XIV FESTIVAL Rock na Vila
MÚSICA
Parque de Feiras
1.º Fim-de-semana de Junho 2 e 3 Junho
XXVIII Feira de Enchidos, Queijo e Mel
FEIRA/FESTA
Parque de Feiras
Ult. Semana Julho e 1.º Fim-de-semana de Agosto  29 Julho a 6 de Agosto
FERIADO MUNICIPAL / VIII ALMOÇO DO IDOSO

FESTAS MUNICIPAIS
Sede do Concelho

 19 Setembro  19 Setembro
X Festival de Concertinas
MÚSICA
Parque de Feiras
Setembro  24 Setembro
XI Festival Gastronómico do Achigã
GASTRONOMIA
Restaurantes Aderentes
Feriado 5 de Outubro 30 Setembro a 8 Outubro
XIX Tunicoto 
MÚSICA
Auditório – Vila de Rei
 3.º Fds Outubro  21 Outubro
XIII Quinzena do Teatro
TEATRO
Auditório Municipal
 Novembro/Dezembro  18, 25 Novembro e 2 Dezembro

 

Feiras, Festas, Romarias e Devoções

 ABRIL
FESTA DE SÃO MARTINHO
Organização: A. M. Acomp. das Festas de São Martinho
Vila de Rei

Arraial

28 a 30 Abril

 

MAIO
FESTA EM HONRA DE N.ª sENHORA DE FÁTIMA
Organização: Associação Desportiva Recreativa e Cultural dos Estevais
Vila de Rei Arraial
12 a 14 Maio
FESTA DA Associação

Organização: Associação para o Desenvolvimento do Turismo e Lazer da Fundada

Bostelim Arraial
20 Maio
Festa da Rainha Santa Isabel
Organização: Conselho Económico Paroquial de Vila de Rei
Vila de Rei Festa Religiosa
21 Maio
Festa da Primavera
Organização: A.H. Bombeiros Voluntários de Vila de Rei
Vila de Rei Arraial
26 a 28 Maio

 

JUNHO
Festa EM HONRA DE SANTO ANTÓNIO
Organização: Associação de Moradores de Casais de Baixo
Casais de Baixo Arraial
16 a 18 Junho

 

JULHO
Feira do Pêro
Organização: C.M. Vila de Rei
Vila de Rei Feira de artigos diversos
Festa da Associação
Organização: Associação do Lavadouro
Lavadouro Arraial
30 Junho a 2 Julho
FESTA DA ASSOCIAÇÃO
Organização: ADRC Borda da Ribeira
 Ribeira  Arraial
7 a 9 Julho
Festa da Associação
Organização: Associação da Casa dos Amigos do Pisão
Pisão Arraial
21 a 23 Julho

 

AGOSTO
Festa de S. Sebastião
Organização: ACDR Vale da Urra
Vale da Urra Religiosa e Romaria
11 a 13 Agosto
Festa de São João Baptista
Organização: Comissão de Festas de São João do Peso
São João do Peso Religiosa e Romaria
18 a 20 Agosto
Festa de Santa Margarida
Organização: Comissão de Festas de Fundada
Fundada Religiosa e Romaria
25 a 27 Agosto

 

SETEMBRO
Festival de Concertinas
Organização: Casa do Benfica de Vila de Rei
Vila de Rei Festival
24 Setembro

 

OUTUBRO
Feira de Outubro
Organização: C.M. de Vila de Rei
Vila de Rei Feira de Artigos Diversos

 

DEZEMBRO
Feira de Natal
Organização: J.F. São João do Peso
São João do Peso Feira de Artigos Diversos

Passeios Pedestres

 

 MODALIDADE
 DATA - 2017
 LOCAL
Passeio Pedestre - grande rota do zêzere (1/4)
Org.: ZêzereTrek
1 Abril Vilar do Ruivo
Passeio Pedestre - Pisão

Org.: Casa dos Amigos do Pisão

8 Abril Pisão
PASSEIO PEDESTRE - GRANDE ROTA DO ZÊZERE (2/4)

Org.: ZêzereTrek

9 Abril Alcamim
Passeio Pedestre - Rota das Acácias
Org.: Liga Cultural dos Amigos do Vilar do Ruivo
15 Abril Vilar do Ruivo
Passeio Pedestre - Rota das mesinhas - codes
Org.: Associação Recreativa, Cultural e Desportiva do Aivado
22 Abril Ribeiros
Passeio Pedestre - Rota das cortelhas
Org.: Clube Cultural, Desportivo e Recreativo da Fundada
29 Abril Fundada
Passeio Pedestre - Rota do ouro
Org.: Associação de Moradores do Lavadouro

29 Abril

Lavadouro
PASSEIO PEDESTRE - GRANDE ROTA DO ZÊZERE (3/4)

Org.: ZêzereTrek

7 Maio Trutas
PASSEIO PEDESTRE - por pontes e moinhos

Org.: Associação da Ribeira

20 Maio  Ribeira
PASSEIO PEDESTRE - centro de saúde

Org.: Unidade Local de Saúde de Vila de Rei

3 Junho Macieira
PASSEIO PEDESTRE - GRANDE ROTA DO ZÊZERE (4/4)

Org.: ZêzereTrek

18 Junho Penedo Furado
PASSEIO PEDESTRE - Cãominhada

Org.: Vilarregense Futebol Clube

23 Julho Vila de Rei
PASSEIO PEDESTRE - Rota das Azenhas

Org.: Associação Desportiva Recreativa e Cultural dos Estevais

8 Outubro Estevais 

Quedas de água

 

Quedas de Água - Bicarola

Bicarola 1
Considerando como local de partida o edifício dos Paços do Concelho, seguir pelo interior da vila, saindo desta pelo Norte (descendo calçada até à ribeira da vila). Passando ao lado do Campo de Futebol entra em estradão de terra batida. Antes de chegar à povoação de Lavadouro, entra num caminho à esquerda. No final deste caminho vira à esquerda para um estradão seguindo as indicações. Ao encontrar uma zona rochosa aprecie o panorama que a queda de água da Bicarola lhe oferece. 

Quedas de Água - Fragas do Rabadão

Penedo Furado 3
Este é um local bastante conhecido no concelho pelas suas características do maciço rochoso de que se destaca uma passagem natural na rocha, daí advir o nome pelo qual é conhecido – Penedo Furado.

Local paradisíaco, oferece ao visitante um conjunto de pequenas quedas de água de grande beleza que podem ser apreciadas percorrendo a pé um estreito caminho talhado na rocha. Dois miradouros com acesso directo à estrada, permitem a visão deste conjunto.

O acesso faz-se a partir de Vila de Rei, tomando o novo traçado da EN 2 e seguindo até ao desvio para a povoação de Milreu que se atravessa em toda a sua extensão. Quando encontrar um entroncamento, virar à esquerda, 2000 m depois, está no Penedo Furado. 

 

Quedas de Água - Poios

Poios 3

Tomando a estrada para Ferreira do Zêzere, um km depois, à esquerda, encontra-se este local que a natureza dotou generosamente. É visível a formação de um vale rochoso pelo qual se precipita, no Inverno e na Primavera, uma torrente em sucessivas cascatas cujo curso pode ser seguido, percorrendo um trilho algo difícil, que se desenvolve ao longo da encosta. Ao chegar ao final do vale em forma de garganta, encontram-se dois enormes rochedos que emprestam ao local um carácter selvagem e distante.

Zona óptima para aventureiros e para todos os que gostam de algum risco. A partir deste local existem dois estradões, um que sobe até ao lugar de Paredes, e outro que acede à estrada para Vila de Rei. 



Gastronomia e Artesanato



Gastronomia

A gastronomia, elevada a Património Cultural, é um dos pontos fortes do concelho de Vila de Rei, pois traz em si uma herança histórica extremamente valiosa, uma arte que a comunidade herdou dos seus antepassados e se recupera de geração em geração. Cozinhar não é apenas seguir uma receita. É algo mais intrínseco. É uma arte.

À mesa dos vilarregenses encontra-se com frequência a afamada Sopa de Peixe, a quem se junta o Bucho Recheado, os Maranhos, o Bacalhau à Vila de Rei, Bacalhau à Cobra, Achigã Frito e Grelhado, Cabrito Assado, Cozido à Vila de Rei, Migas, Bolos Fintos, Arroz Doce de Vila de Rei, Tigeladas, Pudim de Vila de Rei, Broas de Mel e os bem conhecidos enchidos, queijo e mel.

  • Enchidos de Vila de Rei
  • Gastronomia
  • Maranho
  • Mel de Vila de Rei
  • Prato Achiga
  • Queijo de Vila de Rei
  • bacalhau a vila de rei

Artesanato

Vila de Rei encontra-se numa região rica em artesanato, ainda que este tenha pouca expressão económica. Neste âmbito há que destacar a cestaria e a tecelagem produzida pelas gentes da terra e apreciada por muitos visitantes.

No Mercado Municipal de Vila de Rei, a loja “Vila de Rei com Tradição” – Loja de Produtos Endógenos, pode encontrar à venda diversos produtos locais de artesanato (aberta às terças, quintas, sábados e domingos, das 9h às 13h).

Podemos ali encontrar uma grande variedade de produtos, desde artefactos em vime fabricados pelos irmãos cesteiros da aveleira (cestos para a roupa, papéis e pão, cestas, garrafões empalhados) e utensílios ligados à extracção do mel, com os respectivos cortiços. Para venda está igualmente o famoso mel de Vila de Rei, artigos de tecelagem produzidos pelas artesãs da Fundada e Cidreiro, como colchas, toalhas, naperons, tapetes e ainda mantas de trapos.

A loja é, assim, uma mostra do artesanato e dos produtos produzidos no concelho, ajudando na sua promoção. As artes artesanais assumem extrema importância no concelho, sendo um dos pontos altos do certame anual que privilegia as actividades económicas: a Feira de Enchidos, Queijo e Mel.

  • Fiadeira
  • cesteiro

Esta página requer cookies para o seu bom funcionamento. Para mais informações consulte a politica de privacidade. Politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies