Covid-19: isenção das tarifas de água, apoio a profissionais na linha da frente e outras medidas aprovadas

euro covid

Face à atual conjuntura causada pela Covid-19, o Executivo Municipal de Vila de Rei aprovou, na sua reunião ordinária de 20 de abril, um conjunto de medidas que pretendem minimizar as consequências económicas causadas pela falta de receitas e dificuldades de tesouraria de empresas e famílias.

Desta forma, o Município de Vila de Rei aprovou um conjunto de medidas de apoio à sua população, como a isenção total do pagamento de rendas/taxas nos meses de março, abril e maio nas cessões de exploração de instalações municipais; apoio extraordinário de 1.500€ aos Bombeiros e às IPSSs por ERPI (Estrutura Residencial para Idosos ou Cidadãos portadores de deficiência) - , face aos seus acréscimos de custos e redução de receitas; apoio de 50€ em vale de compras a ser usado nos estabelecimentos do Concelho para profissionais de saúde, segurança, forças armadas e prestação de serviços de apoio social e lares residenciais que estejam ao serviço durante o Estado de Emergência em instituições do Concelho; isenção total do pagamento das faturas de água (incluindo saneamento, resíduos sólidos urbanos e taxa de recursos hídricos) nos meses de de março, abril e maio.

O custo estimado dos apoios agora aprovados ascende assim a 104.112,15€. A este montante, acresce o valor de medidas aprovas previamente, como:

- assegurar a alimentação de crianças carenciadas do escalão A e filhos de profissionais de saúde, elementos das forças e serviços de segurança, de proteção e socorro, forças armadas e de prestação de serviços de apoio social nos meses de março, abril e maio – 2.325,54€;

- aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (máscaras cirúrgicas e não cirúrgicas, óculos, fatos de proteção, luvas, toucas, aventais, cobre-sapatos, mangas, etc. – 6.137,20€;

- desinfeção de espaços públicos – 5.184,75€;

- aquisição de 34 computadores e equipamentos de acesso à Internet para cedência, por empréstimo, aos alunos com dificuldades financeiros identificados pelo Agrupamento de Escolas de Vila de Reo – 12.546,00€;

- isenção de juros de mora nos meses de março, abril e maio;

- criação da Linha de Apoio ao Idoso (para obtenção de informações sobre comportamentos a adotar e solicitações de auxílio) e Linha de Apoio ao Empresário (obtenção de informações e esclarecimentos sobre os seus direitos);

- projeto ‘Um Amanhã + Humano’, com contatos regulares, apoio psicológico e possibilidade de entrega de medicamentos e géneros alimentícios ao domicílio.

Desta feita, as medidas já implementadas pelo Município de Vila de Rei ascendem a um custo total estimado de 130.305,64€, com apoios que pretendem minimizar, o quanto possível, o impacto da Covid-19 nas famílias, empresas e instituições do Concelho.

Ricardo Aires, Presidente da Autarquia Vilarregense, destaca que “perante uma conjuntura inesperada e que vai afetar diferentes vertentes da sociedade, torna-se fulcral auxiliar as famílias e as empresas do Concelho a puderem, da melhor forma possível, ultrapassar estes novos obstáculos, injetando dinheiro na economia local. Este investimento feito pelo Município pretende, desta forma, minimizar, na medida do possível, as dificuldades sentidas por todos os Vilarregenses. Realço ainda que o Município de Vila de Rei encontra-se, em permanência, a avaliar a relevância a adoção de medidas adicionais que venham a revelar-se necessárias, face às orientações das entidades competentes e da duração desta pandemia.”

cpcj banco voluntariado  prot civil2 logoPinhalMaior
  Logo-Turismo  LogoMT  

Esta página requer cookies para o seu bom funcionamento. Para mais informações consulte a politica de privacidade. Politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies