Bacalhau e Azeite em grande destaque na gastronomia de Vila de Rei

fg bacalhau final

Os melhores pratos confecionados com bacalhau e de azeite voltaram a marcar a semana que antecede as comemorações da Páscoa, com a realização da oitava edição do Festival Gastronómico do Bacalhau e do Azeite de Vila de Rei.

De 21 a 29 de Março, a iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Vila de Rei voltou a preencher as ementas dos cinco restaurantes aderentes – Albergaria D. Dinis, Churrasqueira Central, O Eléctrico, O Cobra e O Paraíso do Zêzere – com deliciosos pratos onde o bacalhau e o azeite eram os ingredientes principais.

Largas centenas de pessoas voltaram a marcar presença nesta oitava edição do Festival, comprovando assim um novo sucesso do evento, reforçado pelas opiniões de estabelecimentos aderentes e visitantes.

Ricardo Aires, Presidente da Câmara Municipal de Vila de Rei, adianta que “o VIII Festival Gastronómico do Bacalhau e do Azeite voltou a demonstrar e a comprovar todo o potencial da gastronomia Vilarregense. As largas centenas de pessoas que visitaram os nossos restaurantes saíram certamente satisfeitas com a elevada qualidade dos mesmos, desfrutando de algumas das melhores iguarias da gastronomia local.”

“Os Quintais nas Praças do Pinhal” regressam a Vila de Rei

quintais

O Mercado “Os Quintais nas Praças do Pinhal” regressa a Vila de Rei já no próximo dia 12 de Abril, numa iniciativa organizada pela Pinhal Maior em colaboração com os municípios de Mação, Oleiros, Proença-a-Nova, Sertã e Vila de Rei.

O certame terá lugar no recinto da Igreja de Nossa Senhora da Guia, entre as 09:00 e as 17:00 horas, e irá permitir que os pequenos produtores da zona do Pinhal possam comercializar os seus produtos e excedentes agrícolas.

O evento voltará a contar com diferentes momentos de animação, estando previstas as atuações da Orquestra Tradicional e da Orquestra Clássica da Escola de Música de Vila de Rei (às 10:30 e 11:00 horas, respetivamente) e do Agrupamento Musical do Conservatório de Música “Canto Firme”, de Tomar, pelas 11:30 horas.

São esperados em Vila de Rei cerca de 50 expositores, onde se incluem comerciantes de produtos agrícolas, artesanato, cosmética natural e pequenos produtores licenciados de produtos tradicionais.

“Encontros Documentais: Formar e Educar” debateu Arquivos em Vila de Rei

encontros2

A Biblioteca Municipal José Cardoso Pires, em Vila de Rei, recebeu, no dia 26 de Março, a segunda sessão da iniciativa “Encontros Documentais”, este ano com o tema “Formar e Educar”.

A iniciativa, subordinada à temática “Arquivos”, contou com cerca de 40 pessoas na assistência e com as palestras de Cláudia Plácido e Mário Gil, do Arquivo Municipal de Torres Novas, Pedro Inácio, do Arquivo Histórico da E.P.A.L., Paulo Monteiro, da GloryBox, Pedro Sobral de Carvalho, da EON – Indústria Criativa, e de Filipe Marques, da M&A.Digital.

Ao longo do dia foram debatidas diversas ideias relacionadas com a gestão de documentação e a modernização administrativa, tendo em vista os objetivos de ^redução de custos, eficiência de gestão documental, inovação tecnológica e eficiência e transparência dos serviços.

A iniciativa “Encontros Documentais tem o objetivo de reunir técnicos, especialistas, académicos e peritos  com nome firmado nestas áreas, debatendo assuntos considerados importantes quer para a profissão em si quer para os serviços e cidadãos.

A próxima sessão dos “Encontros Documentais” terá lugar no dia 17 de Abril, com especial incidência na temática de Bibliotecas.

Vila de Rei: 200 pessoas celebram Dia Mundial da Poesia na Biblioteca Municipal

dia poesia

A Biblioteca Municipal José Cardoso Pires celebrou, no dia 23 de Março, o Dia Mundial da Poesia, reunindo 200 pessoas num Sarau Intergeracional.

A iniciativa contou com a presença das crianças do Jardim-de-Infância do Centro Escolar, Creche e Jardim-de-Infância da Santa Casa da Misericórdia de Vila de Rei, jovens das Férias Desportivas da Páscoa e utentes dos Lares e IPSSs do Concelho de Vila de Rei, que declamaram diversos textos de alguns dos principais nomes da poesia nacional.

O Vereador do pelouro da Cultura, Jorge Tavares, marcou presença no evento e salientou “a importância de atividades intergeracionais que promovem a troca de experiências e conhecimentos entre as nossas crianças e os nossos idosos. As celebrações do Dia Mundial da Poesia permitiram que todos os participantes desfrutassem de um dia diferente, com uma vertente cultural bem vincada, e que foi do agrado de todos.”

O Sarau Intergeracional de Poesia terminou com um lanche convívio entre todos os participantes.

Vila de Rei pioneira na descentralização de competências na Educação

escola

Vila de Rei é um dos 13 Municípios portugueses envolvidos no projeto de descentralização de competências na área da Educação.

A reunião dos Municípios envolvidos com o Governo decorreu no dia 26 de Março, devendo agora os contratos serem aprovados em Assembleias Municipais durante o próximo mês para que possa ocorrer a formalização dos mesmos.

Segundo dados do Ministério da Educação e Ciência (MEC), o contrato negociado com as 13 Autarquias (Águeda, Amadora, Batalha, Cascais, Crato, Matosinhos, Óbidos, Oeiras, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Souselo, Vila de Rei e Vila Nova de Famalicão) estipula que mais de 60% das competências na área da Educação fiquem nas mãos dos agrupamentos de escolas, 30% nos Municípios e menos de 10% no Ministério da Educação e Ciência.

Entre as competências que permanecem no MEC estão as que dizem respeito à gestão do corpo docente e seu recrutamento através dos concursos nacionais e avaliação dos alunos, professores e escolas. Os Agrupamentos continuarão também a ser unidades orgânicas do MEC, mas a propriedade das escolas abrangidas passará para os Municípios depois de estar concluído o seu processo de reabilitação, o qual deverá ficar definido até ao final do primeiro ano de vigência do contrato.

Continuando a ter sempre como base as normativas nacionais, as Escolas e os Municípios passarão agora a ter mais margem de manobra nas decisões sobre constituição de turmas, horários e até sobre o calendário escolar. As Escolas poderão igualmente ajustar a sua oferta de disciplinas tendo em conta as características e necessidades de cada Município (de acordo com os contratos negociados, 25% do currículo nacional pode passar a ser integrado por “componentes curriculares de responsabilidade local.”

Ricardo Aires, Presidente da Câmara Municipal de Vila de Rei, refere que “este processo de descentralização de competências e autonomia das Escolas, onde Vila de Rei volta a ser um dos pioneiros, vai conseguir reforçar a qualidade da Educação através da possibilidade de adaptação da oferta curricular aos nossos alunos, tendo em conta as principais necessidades dos estudantes e do nosso Concelho. Esta medida vem ainda reforçar o importante papel da Educação enquanto uma das principais prioridades do Município de Vila de Rei.”

“Sonho, Luz e Cor” em exposição no Museu Municipal de Vila de Rei

pintura magda

O Museu Municipal de Vila de Rei recebe, até ao dia 30 de Abril, a exposição de pintura “Sonho, Luz e Cor”, de Maria Magda Vaz.

Natural de Vila de Rei, a artista expõe pela primeira vez os seus trabalhos, com mais de uma dezena de obras a poderem ser visualizadas no hall do Museu Municipal de Vila de Rei.

Os interessados poderão visitar a Exposição e o Museu Municipal de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h00.

cpcj banco voluntariado  prot civil2 logoPinhalMaior

Esta página requer cookies para o seu bom funcionamento. Para mais informações consulte a politica de privacidade. Politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies